Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos



Edith Murway-Traina é uma halterofilista com 100 anos de idade e levanta-se da cama para levantar os pesos que os mais novos obesos preferem arrastar ao longo da vida...

Começou a frequentar o ginásio apenas aos 91 anos, quando o seu médico lhe disse que tinha falta de ferro...

Consegue levantar 68 quilos e fazer levantar o flácido ferro de alguns dos seus amigos que ficam a vê-la praticar...

É uma fonte de inspiração para todos os colegas do lar que para começar, vão esforçar-se para tentar levantar a tampa da sanita, sempre que conseguirem chegar à casa de banho...

Já competiu em dezenas de concurso de halterofilismo e ganhou a maior parte deles.
Uns pela sua performance, outros por falta de comparência súbita de outros concorrentes...

É a mulher halterofilista mais velha em atividade e pela idade está sem intenções de lhe verem pregar ferros no seu caixão...

Foi forçada a parar devido à pandemia, pois muitos dos sócios mais novos do ginásio representavam um grupo de risco...

Conquistou o respeito de militares que lhe fazem continência no ginásio e a distância de secura de praticantes mais séniores da ginástica de incontinência...

Antes de ser halterofilista era bailarina!
Confessa que gostou sempre de ser o centro das atenções e não uma poltrona adornada, encostada num canto da sala de estar... viva!

(fonte da imagem: https://barbend.com/100-year-old-edith-murway-traina-powerlifter-guinness/)

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.