Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

 

Este (dis)funcionário sénior ainda não dorme no ponto e pica o ponto na mesma empresa há 84 anos!
Não planeia reformar-se, nem afastar-se da labuta diária, onde é uma inspiração para todos os brasileiros e um orgulho para a Segurança Social que pode aplicar os seus descontos no Rendimento Social de Inserção, para um milhão de potenciais trabalhadores...

Walter Orthmann já completou 100 anos de vida e começou a trabalhar em 1938, com apenas 15 anos e uns trocos nos bolsos que mal lhe davam para comprar umas calças...
Começou como assistente de exportação e, de promoção em promoção, subiu na carreirasubstituindo cargos superiores que subiram a escadaria até ao céu...

O trabalho ajuda-o a passar o tempo que parece um calvário, quando está de férias...
Recorda o tempo de adolescência, onde não havia água canalizada, iluminação pública e muito menos computadores que agora fazem o trabalho todo e nos ocupam o resto do tempo livre, depois de sair do trabalho...

O Walter nunca demonizou a tecnologia e assume ser uma mais-valia num tempo cada vez mais agitado, agravado pelo estado avançado da doença de Parkinson...
Graças à internet e a um computador pessoal, viaja muito menos pelos vários continentes onde a empresa está sediada, mas desloca-se mais regularmente à sanita do mesmo incontinente...

Não há trabalho sem descanso e não quer dar descanso ao trabalho!
Como não quer ficar atrás dos estagiários, ainda se sente capaz de dar horas extras, para fechar as contas no fim de cada mês. E naqueles dias em que adormece com a cara no teclado, onde tenta instalar uma placa externa nesse periférico...

Na entrevista dada à rede Globo, Walter não se esqueceu de dar conselhos aos mais jovens!
O segredo da sua longevidade profissional, deve-se à distância de segurança dos Centros de Emprego e das formações comparticipadas pelo Governo, cujo valor pago pelo subsídio de alimentação, não chega para comer uma sopa passada na cantina social...

'Escolhe um trabalho que gostes e não terás de trabalhar um dia na tua vida' é a sua citação favorita que deixa qualquer um Confúcio...
Confessa que nunca viu o seu trabalho como uma obrigação, principalmente nestes últimos anos, onde tem sido submetido a várias cirurgias às cataratas...

(fonte da notícia: https://www.odditycentral.com/news/worlds-most-loyal-employee-has-been-working-for-the-same-company-for-84-years.html)

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.