Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos


(fonte da imagem: https://www.foxnews.com/lifestyle/woman-cuts-longest-fingernails-since-90s)

Ayanna Williams, a mulher que tinha as unhas mais compridas do mundo, cortou-as pela primeira vez ao fim de 28 anos de muitas coceiras e cegueiras iminentes...

Não cortava as unhas desde os anos 90!
Tempo em que era moda roer as unhas e ninguém reparava no verniz de sujidade de quem as deixava mais compridas, por esquecimento...

O comprimento de todas as unhas, ultrapassava os 7 metros e era mais que suficiente para fazer uma vedação no quintal, e ainda sobrariam algumas pontas para segurar os tomates da horta...

Agora que cortou as gânfias, vai ter de reaprender a fazer tarefas quotidianas como lavar a loiça, mudar os lençóis ou, simplesmente, andar com as mãos nos bolsos...

Para além da cozinha e quarto, também já vai conseguir limpar o sótão...

Um das razões que a levou a desbravar os engaços, foi a dificuldade que tinha em fazer scroll nos vídeos e tutoriais de tratamento de unhas...   

Admitiu que já começou a cortar, também, nas despesas em papel higiénico e lenços de mão... 

Sentiu um enorme alívio por aparar as garras e vai poder dar farras em família!
Já vai poder abraçar os filhos e os netos. Mas só quando a pandemia meter as unhas para dentro... 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.