Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Cada ano que passa, existem mais dádivas de órgãos em todo o mundo!
Contudo, alguns falecidos recusam-se a ceder partes do seu corpo que acabam por apodrecer, assim como a sua alma que felizmente não faz falta a quem precisa de continuar vivo...

Vários pedidos de não doação de órgãos, são a última das vontades de quem nem tem força na mão, para redigir sequer um testamento...

Mas ainda há quem espere pela hora de alguém, como um refém com Síndrome de Estocolmo.
Primeiro estranha-se, depois entranha-se. Caso a operação seja bem sucedida...

Como os seres humanos não são todos iguais, exemplos daqueles que são mais humanos, podem passar vários anos na esperança de dar, como modo de poder agradecer...


(fonte da imagem: https://www.upi.com/Odd_News/2020/06/22/Husband-and-wife-donate-organs-to-same-man-16-years-apart/3661592845380/)

Passados 16 anos, uma viúva doou um rim, ao mesmo homem que o seu falecido marido havia doado o pâncreas e o rim, quando chegou o seu fim...

Como o primeiro rim estava em falência, o afortunado fez um comunicado nas redes sociais a perguntar se alguém tinha algum rim a mais, que pudesse dispensar...

Sentindo uma força interior de a ligar ao falecido marido, respondeu ao pedido com muita satisfação e com aquele emoji novo do abraço com um coração apertado...

Primeiro acreditou que poderia ser uma piada, mas a dádiva foi confirmada com uma mensagem privada sem informação de preço e disponibilidade de stock...

A cirurgia foi um sucesso! O rim pode funcionar perfeitamente, entre 10 e 14 anos.
Marido e mulher voltaram a reunir-se em funções renais e matrimoniais. Pelo menos, até que a diálise os separe...  

2 comentários

  • Imagem de perfil

    HD 29.06.2020 20:59

    Altruísta :-)
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.