Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos


Um estudo realizado por um centro logístico -esperemos que seja- certificado, apresentou os resultados de estafetas questionados sobre o que fazem, quando não estão a tocar à campainha e a explicar aquela ladainha de porquê estarem novamente atrasados...

Quem é que nunca se questionou sobre a vida do estafeta que faz aquela careta de simpatia profissional precária, antes de nos entregar qualquer pacote?
Será que a nossa encomenda está em boas mãos? Ou estará igualmente em maus narizes?

Os inquiridos da pesquisa, revelaram os segredos do ofício que nos traz a roupa que deveríamos experimentar numa loja física ou duma comida que nunca chega a ser aquecida na cozinha do lugar onde reservávamos mesa, para toda a família, do dono do restaurante...  

Uma vasta maioria queixou-se da falta de gorjeta ou do excesso de simpatia do cliente que não queria apenas meter as mãos no pacote da sua encomenda...
Quase todos confessaram que se sentem julgados, sem hipóteses de redimirem os seus pecados, pelo interior dum conteúdo que já vem frio ou com um tamanho abaixo das nossas expecta... tive-as!

Alguns relatos desagradáveis de desavenças com clientes, também foram listados no cardápio!
Discussões fúteis sobre o estado das encomendas, são o ponto de partida para insultos e até agressões de consumidores que culpam os entregadores pelo estado dos produtos. E pelo estado degradado das suas relações pessoais...

Alguns estafetas que não se quiseram identificar, assumiram que estragaram mercadorias, roubaram e revenderam artigos e alguns admitiram ter provado as comidas que deveriam entregar intactas.
Logo, já não precisamos de desconfiar, da sinceridade do estafeta, quando lhes perguntamos se a comida onde encomendamos é saborosa ou apenas serve para meter à boca, durante o trabalho...

O tópico mais sórdido envolve as questões sobre as pausas fisiológicas dos estafetas!
10% admitiram que urinam em garrafas de plásticos, para não ter de sacudir o genital numa casa de banho pública e 9% chegaram a urinar à porta das casas dos clientes. Daí às vezes ainda recebermos a comida a deitar algum fuminho morno...
 
(fonte da imagem: https://torontosun.com/life/food/what-delivery-drivers-are-doing-when-youre-not-looking)

2 comentários

  • Imagem de perfil

    HD 17.05.2022 18:06

    Se forem refeições saudáveis, deves continuar a fazê-lo 
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.